Rebranding: o que é e como executá-lo com sucesso

O rebranding é uma importante ferramenta de marketing, que serve para mudar a percepção de como o público identifica sua empresa. 

Isso pode atingir uma série de elementos desde alguma mudança menor até a transformação completa de sua marca.

O termo rebranding tem sido cada vez mais procurado em ferramentas de busca, em grande parte porque a competitividade do mercado tem feito a maioria das empresas buscar formas de se adaptar e montar um ambiente mais interessante.

O mercado, desde sua transformação digital, tem se tornado uma forte ferramenta de trabalho na internet, principalmente, com relação a elementos de destaque, como:

  • Atingir novos públicos;
  • Reverter uma crise;
  • Modificar sua identidade visual;
  • Acessar um novo mercado.

Independente dos motivos, é importante ter em mente que o rebranding não é uma tarefa fácil. Como qualquer acao de marketing promocional, é preciso muita atenção.

É preciso identificar os pontos de mudança para conseguir fluir de forma mais natural, principalmente para não perder os clientes já acostumados com seus padrões.

Por isso, realizar esse tipo de mudança requer um bom planejamento, mais inteligência e estratégia para conseguir encontrar um posicionamento mais adequado para o serviço. Dessa maneira, você consegue estruturas muito melhores.

O rebranding então lida com o ato de ressignificar tudo o que é conhecido de uma determinada empresa ou produto. Trata-se de uma estratégia calmamente planejada, com ações estipuladas em todos os momentos.

O principal objetivo desse tipo de ação é mudar a percepção do público, ou seja, uma empresa de locacao de stand para eventos pode se transformar completamente em um rebranding.

Assim, eles começam a enxergar a marca de uma maneira diferente, seja por meio de ações e de inovações dentro dos produtos ou serviços, ou por intermédio de uma mudança visual, através da identidade visual.

Quando você cria uma empresa, está formando um vínculo duradouro. A empresa significa muito mais do que um logotipo ou mascote. É importante que você compreenda o que ela significa para seu público.

Para entender melhor a forma como seu público funciona, você pode aproveitar uma das mais utilizadas referências no marketing digital hoje, a criação de personas. Uma persona é a idealização de um cliente.

Entretanto, ela não é uma figura criada de sua cabeça, apenas por intuição. É preciso relatórios e análises para transformar a persona em um verdadeiro cliente de sua empresa.

Assim, além de dados importantes como nome, endereço e profissão, você também planeja a mente.

Quais são os desejos, os anseios e medos dessa persona. Esse tipo de questionamento é fundamental para criar uma figura factível.

Por isso, é importante que você pense em maneiras de explorar melhor os elementos de sua empresa de vinho branco doce.

Isso porque você pode fazer perguntas importantes para uma persona, como a identificação que ela tem com a marca, o sentimento que ela tem ao identificar seu logotipo, entre outras informações importantes antes de iniciar um processo de rebranding.

Tipos de rebranding

Agora que você é capaz de entender as bases do rebranding, é hora de absorver as informações referentes aos motivos para fazer essa mudança estrutural em sua empresa, e quando fazê-lo.

Isso porque existem várias formas de explorar os recursos de rebranding. Saber qual motivo escolher é um passo essencial para conseguir o melhor resultado para sua empresa durante esse tipo de processo.

Rebranding parcial

O rebranding parcial é aquele que acontece quando uma empresa decide não modificar completamente sua identidade, mas altera alguns elementos importantes.

Neste caso, ainda existe uma associação óbvia com a empresa, mas é claro a intenção de mudança de sua companhia de brunch corporativo.

Esse tipo de rebranding é muito comum para mostrar uma atualização na marca, que deve ser otimizada para atingir o resultado esperado com qualidade. 

O rebranding parcial costuma ser bem diferenciado, para criar o impacto com a alteração escolhida.

Rebranding evolutivo

Este modelo é comum quando você utiliza pequenas mudanças, que são realizadas ao longo do tempo para atualizar parte da identidade visual da marca.

Como há tempo para as pessoas se acostumarem com as mudanças, muitas vezes as pessoas nem percebem a alteração.

Além disso, é importante destacar que as mudanças nesse tipo de formato são bem menos expressivas, uma vez que trata-se apenas de um modelo de atualização para sua empresa de aluguel de som para confraternizacoes.

Normalmente, a utilização desse tipo de rebranding é apenas para manter uma marca mais integrada com conceitos atuais, com uma leve mudança de fonte ou de outro elemento que chame a atenção do público em geral.

Rebranding revolucionário

Aqui, o tipo de alteração realizada é praticamente total. Neste caso as mudanças podem ter um impacto muito forte na empresa, normalmente transformando completamente a identidade visual.

Não é incomum que neste tipo de formato até mesmo o nome da empresa seja modificado. É muito comum a utilização do rebranding revolucionário quando duas empresas se fundem ou em outras alterações drásticas no conteúdo.

Dessa maneira, a alteração funciona como uma forma de identificar que a própria empresa se tornou algo novo, e que essas mudanças são definitivas.

Por isso, é importante pensar em como aproveitar melhor este conceito, por meio da criação de front light banner e outros elementos de destaque.

Como realizar o rebranding

Agora que você entende melhor o conceito por trás do rebranding, é hora de compreender como realizá-lo em sua empresa. Muitas vezes, é importante identificar se esse tipo de ação é necessária, e como você pode dar os primeiros passos.

É importante ter em mente que, assim como em qualquer outro tipo de ação, é fundamental ter planejamento.

O planejamento é uma maneira de compreender e identificar todas as necessidades da empresa para que a mudança possa ser realizada.

Também é importante ter um objetivo para esse tipo de execução, sabendo como utilizar esse tipo de formato diretamente em sua empresa. Assim, você terá a decisão sobre o formato de rebranding que será utilizado.

Se sua empresa busca mais impacto com a mudança, o rebranding pode ocorrer de forma repentina. Um simples banner com foto já pode representar essa mudança com mais clareza.

Entretanto, se você deseja uma transição mais calma para o público, de forma que eles possam se adequar aos poucos, é possível usar uma transição gradual.

Identidade visual

A identidade visual é como o público enxerga sua empresa. Por isso, quando você faz uma alteração em sua identidade, acaba gerando um impacto direto em seu público. Tudo o que envolve a parte visual da organização está incluso aqui.

Por isso, é importante identificar o tipo de alteração que será feito neste elemento. Alterações drásticas passam uma mensagem direta de mudança, passando a informação de que algo está acontecendo com a empresa.

Entretanto, mudanças mais sutis podem indicar que a empresa está evoluindo, não chamando muita atenção com esse tipo de alteração.

Assim, sua empresa de entrega de documento consegue se atualizar de maneira mais discreta.

Trabalhe a comunicação

Uma marca deve ser capaz de se comunicar com seu público, quanto maior a variedade de canais, melhor. Isso porque o diálogo é uma das melhores ferramentas para o acesso a seus clientes, independente do objetivo desejado.

Por isso, é preciso pensar em modelos de comunicação, tanto tradicionais, como telefones e mídias comuns, quanto no impacto da comunicação digital nos dias de hoje. É importante que você utilize estes canais para apresentar seu novo posicionamento.

Dessa maneira, o público terá uma identificação muito mais rápida, assimilando as mudanças e compreendendo a mudança dentro do paradigma de sua empresa.

O foco de qualquer companhia é ter uma boa conexão junto de seu público, para conseguir resultados expressivos ao longo de sua trajetória. 

Por meio da comunicação, você consegue manter aqueles que são fiéis a sua empresa, mas também apresenta-a a novos públicos.

Monitoramento de resultados

A ideia do rebranding é conquistar bons resultados para a empresa com a mudança. 

Por isso, é importante definir objetivos e fazer um monitoramento constante das ações que estão sendo desenvolvidas.

Esse tipo de ação é muito importante para que você veja a evolução da empresa e os elementos de maior impacto nela. 

Assim, consegue medir a eficácia das mudanças escolhidas no processo de rebranding.

Uma das principais métricas a se avaliar nesse tipo de processo é o monitoramento social. Dessa maneira, você consegue identificar a reação do público às mudanças estabelecidas pela sua empresa.

Considerações finais

O rebranding é uma importante ferramenta de atualização para sua empresa, mas deve ser muito bem planejada para gerar os efeitos esperados.

Além disso, é uma mudança sempre impactante, mesmo que não diretamente para o público.

Por isso, é importante ter em mente o tipo de resultado que você deseja oferecer para as pessoas, e como alcançar esse objetivo de forma mais expressiva, criando assim um conceito muito mais amplo.

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *